Qual a diferença de ITU e IPTU?

O IPTU incide sobre os imóveis construídos e o ITU sobre os lotes vagos.

Como é calculado o valor do ITU?

A base de cálculo do imposto é, no mínimo, o valor venal dos bens ou direitos transmitidos, prevalecendo sempre o maior valor estabelecido na data do ato de transmissão. Não serão abatidas do valor venal quaisquer dívidas que onerem o imóvel transmitido.

Qual é mais caro Itu ou IPTU?

Por que o IPTU de terreno é mais caro? Como explicamos, o IPTU é calculado pelo valor venal. Se um terreno não tiver nenhuma construção nele, ele deverá pagar o ITU e não o IPTU. Já se estamos falando de um terreno com um imóvel construído, em área urbana, aí sim o imposto incide.

Quem paga Itu?

Não. Se não houver construção no terreno, o proprietário paga o Imposto Territorial Urbano (ITU). Nas áreas rurais, o tributo cobrado é o Imposto Territorial Rural (ITR).

Como é feito o cálculo do IPTU?

IPTU = (m² de área efetivamente construída X valor do m² da região) X alíquota do imóvel.

Como consultar valor venal do imóvel?

É possível consultar qual o valor venal do imóvel junto à prefeitura da região em que a propriedade está localizada. No caso de algumas cidades, a consulta pode ser feita pela internet a partir do IPTU e da data de inscrição do imóvel.

Quem paga o IPTU é o verdadeiro proprietário do terreno?

O dono do imóvel é o responsável pelo pagamento do imposto. É em seu nome que está enviado o boleto de pagamento do imposto e, se houver atraso, a multa com a prefeitura é feita no seu nome. O locatário pode fazer o pagamento do IPTU para o dono do imóvel, desde que isso esteja previsto no contrato de aluguel.

O que acontece se a pessoa não pagar o IPTU?

O contribuinte que não pagar esse imposto terá o débito registrado na dívida ativa e isso poderá provocar a tomada de bens do proprietário do imóvel. Além disso, as empresas que possuem dívidas de IPTU não podem participar de licitações e concorrências públicas.

Quem paga IPTU tem direito a usucapião?

Você pode estar se perguntando agora se para conseguir a usucapião é obrigatório o pagamento do IPTU, a resposta é não. O pagamento do imposto não é requisito para usucapião e muito menos configura ato de posse, portanto, se uma outra pessoa pagar o IPTU não há impedimento para o pedido de usucapião.

O que é setor de IPTU?

O Imposto sobre propriedade Predial e Territorial Urbano – IPTU – é um tributo que incide sobre a propriedade imobiliária, ou seja, pelo terreno com construção ou sem construção. Ele incide sobre o imóvel localizado na zona urbana da cidade e, em algumas situações, sobre imóveis na zona rural.

O que é cobrado no IPTU?

O IPTU é o Imposto Predial e Territorial Urbano. Ele um tributo que incide sobre cada uma das propriedades imobiliárias urbanas, sendo para todos os tipos de imóveis em uma região urbanizada, como residências, prédios comerciais, apartamentos, salas comerciais etc.

Qual o valor do IPTU 2021?

Porém, para facilitar esse cálculo, o cidadão poderá simplesmente fazer o valor de venda aproximado de seu imóvel X a alíquota vigente em seu município. Atualmente a alíquota IPTU 2021 está em torno de 1% até 1,5% do valor total do imóvel.

Qual é o valor do IPTU?

O IPTU também apresenta distinção de acordo com o tipo de uso do imóvel. Para os residenciais há incidência de 1% do valor venal, ou seja, 1% do valor de venda atualizado do imóvel. Já para os demais imóveis, o percentual é de 1,5% sobre o valor venal.

Como saber o valor do IPTU 2021?

Para calcular o valor do IPTU do seu imóvel a conta é, em tese, bem simples. Tudo o que você precisa fazer é jogar as informações na seguinte fórmula: IPTU = (m² de área efetivamente construída X valor do m² da região) X alíquota do imóvel.

Imperdível também, confira...

Assine nossa newsletter

Receba as melhores postagens, dicas e ofertas por email